MAIS SOBRE A HISTÓRIA DO CLUBE GINÁSTICO

João José Ferreira da Costa

Deve-se a João José Ferreira da Costa, oficial de correio e a seu irmão Antonio José Ferreira da Costa, proprietário de uma venda na Rua do Hospício, hoje Buenos Aires, a idéia de fundar uma sociedade sob a denominação Clube Ginástico Português.

O dia 31 de outubro de 1868, escolhido para inauguração, era a data natalícia de D. Luiz I, Rei de Portugal, que completava 30 anos de idade.

Os dois irmãos e mais Manoel Mariano Ribeiro, contra-mestre de uma fábrica de calçados, constituíram uma junta administrativa, que geriu os destinos do Clube até a Assembléia Geral realizada no dia 17 de janeiro do ano seguinte quando, com a presença de 15 sócios, foi eleita a primeira Diretoria assim constituída:

Presidente: Manoel Mariano Ribeiro
Vice-Presidente: José Joaquim de Souza Ribeiro
1º Secretário: José Vicente M. Puga
2º Secretário: Manoel José Antunes Braga
Tesoureiro: Antonio José Ferreira da Costa
Procurador: José Cordeiro de Araújo
Fiscal: Francisco José da Silva Guimarães

No dia 13 de janeiro desse mesmo ano, o Chefe da Polícia da Corte aprova o primeiro Estatuto do Clube, sendo no dia 4 de abril estreado o uniforme e inaugurado o pavilhão.

Ao findar o ano de 1869, o Clube possuía 98 sócios, sendo a sua Receita de 2:730$740, a Despesa de 2:551$920 e o Fundo Social de 178$820.

O novo Estatuto foi aprovado em 1871, pelo Decreto nº 5026 do Governo Imperial.

A segunda sede, inaugurada em 1911 e totalmente destruída pelo fogo no dia 20 de agosto de 1934.


Principal  |  História do Clube  |  A palavra do Presidente  |  Diretoria e Conselhos  | 

Atividades Artísticas  |  Atividades Esportivas  |  Atividades Sociais  |  Sede Barra  |

 |  Ginasta  |  Teatro Ginástico  |  Proposta Admissão  |  Escreva-nos  |